Cerveja também é bebida para consumir no frio

Cotidiano
Anúncios

Com o friozinho que anda fazendo nas últimas noites, não há como não pensar em um vinho ou bebida mais quente para aquecer.  No entanto, para quem não abre mão da cerveja, a época também é propícia para degustar alguns sabores artesanais. “A diferença vem na escolha do estilo. Para os dias mais frios, as cervejas recomendadas são as que possuem teor alcoólico mais elevado, pois elas promovem a sensação de aquecimento”, afirma o mestre cervejeiro da Debron Bier, Luciano Fialho.
Cerveja é sinônimo de frescor, dias quentes, praia. Quando o sol se esconde, a tendência é que a bebida seja colocada de lado. Todavia, a bebida artesanal, por apresentar diversos estilos, pode continuar como uma boa companhia no inverno. “O mundo cervejeiro é rico em estilos que casam muito bem com meses mais gelados. O segredo está em saber escolher. Com aromas marcantes e certo amargor presente na composição, rótulos artesanais pode cair muito bem nesta temporada mais fria”, diz Fialho.
Para escolher as cervejas a dica é apostar no volume alcoólico. “As mais alcoólicas causam uma sensação de aquecimento no corpo, por isso a gente toma elas mais no inverno”, explica.
Os estilos mais indicados são a Stout, IPA e  Gold.  “A Stout, por exemplo, é excelente para os dias frios por apresentar um teor alcoólico de 9,6%, e ainda contar com malte de chocolate, que dá ainda mais sensação de aquecimento. Outras cervejas como a IPA, que apresenta volume alcoólico de 6,8%, e Golden, 5,3% são ótimas opções. Além do álcool, elas ainda têm o amargor característico e sabor intenso, forte o suficiente para os dias mais frios”, finaliza Fialho.
Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.