Mais de 100 brasileiros retidos em Bariloche; Paraibanos devem retornar nesta quinta

Paraíba

O grupo de paraibanos que está retido no aeroporto de Bariloche (Argentina) desde segunda-feira (17) deve retornar nesta quinta-feira (20) para o Brasil. Conforme a reportagem apurou, o grupo teria conseguido vagas em um voo de uma companhia aérea que seguirá para Buenos Aires, de onde deve tentar um voo para o Brasil, provavelmente para São Paulo. Conforme ainda foi apurado, mais de 100 brasileiros estão retidos apenas no aeroporto argentino, entre eles muitos paraibanos.
De acordo com um dos paraibanos, que preferiu não ter o nome revelado, a situação dos passageiros é caótica, porque a maioria praticamente não sai do aeroporto em razão do frio intenso e todos estão sendo obrigados a andar de um lado para o outro à espera de contato dos funcionários das companhias aéreas. “A situação é muito crítica”, apontou.
O empresário Luciano Lapa, da Lapa Viagens, disse que continua mantendo contato direto com o grupo de oito paraibanos que levou para Bariloche na semana passada. Ele confirmou que o grupo deve estar na lista da companhia aérea para, possivelmente, embarcar de volta para João Pessoa nesta quinta. “Todos estão mantendo a calma, apesar da situação difícil”, afirmou Lapa.
O governo brasileiro, por meio do Ministério das Relações Exteriores, informou que continua acompanhando de perto a situação de brasileiros retidos em Bariloche, Argentina, em razão da nevasca que afeta a Região Sul do Continente. Em nota, o Itamaraty informa que a Embaixada do Brasil, em Buenos Aires, já fez contatos com autoridades argentinas sobre apoio ao grupo de cidadãos brasileiros retidos em Bariloche, em especial às famílias com crianças.
O aeroporto de Bariloche vem operando com as limitações impostas pelas condições climáticas adversas, dando prioridade à segurança dos vôos.
Fábio Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais de 100 brasileiros retidos em Bariloche; Paraibanos devem retornar nesta quinta

Paraíba

O grupo de paraibanos que está retido no aeroporto de Bariloche (Argentina) desde segunda-feira (17) deve retornar nesta quinta-feira (20) para o Brasil. Conforme a reportagem apurou, o grupo teria conseguido vagas em um voo de uma companhia aérea que seguirá para Buenos Aires, de onde deve tentar um voo para o Brasil, provavelmente para São Paulo. Conforme ainda foi apurado, mais de 100 brasileiros estão retidos apenas no aeroporto argentino, entre eles muitos paraibanos.
De acordo com um dos paraibanos, que preferiu não ter o nome revelado, a situação dos passageiros é caótica, porque a maioria praticamente não sai do aeroporto em razão do frio intenso e todos estão sendo obrigados a andar de um lado para o outro à espera de contato dos funcionários das companhias aéreas. “A situação é muito crítica”, apontou.
O empresário Luciano Lapa, da Lapa Viagens, disse que continua mantendo contato direto com o grupo de oito paraibanos que levou para Bariloche na semana passada. Ele confirmou que o grupo deve estar na lista da companhia aérea para, possivelmente, embarcar de volta para João Pessoa nesta quinta. “Todos estão mantendo a calma, apesar da situação difícil”, afirmou Lapa.
O governo brasileiro, por meio do Ministério das Relações Exteriores, informou que continua acompanhando de perto a situação de brasileiros retidos em Bariloche, Argentina, em razão da nevasca que afeta a Região Sul do Continente. Em nota, o Itamaraty informa que a Embaixada do Brasil, em Buenos Aires, já fez contatos com autoridades argentinas sobre apoio ao grupo de cidadãos brasileiros retidos em Bariloche, em especial às famílias com crianças.
O aeroporto de Bariloche vem operando com as limitações impostas pelas condições climáticas adversas, dando prioridade à segurança dos vôos.
Fábio Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.