Catamarã, Cais do Sertão e Aeroporto recebem programação da Setur de Pernambuco

Brasil

Com objetivo de buscar cada vez mais a inserção da Pessoa com Deficiência na sociedade e oferecer atividades de lazer que proporcionem momentos lúdicos, através de ações educacionais, de capacitações e informações, a Seturel-PE organizou uma programação recheada de opções culturais e gratuitas.
Na manhã desta terça-feira, a partir das 9h, cerca de 45 usuários de cadeiras de rodas, pessoas cegas, pessoas com síndrome de down e pessoas com déficit intelectual tiveram a oportunidade de participar de um passeio de Catamaran pelo Rio Capibaribe e pontes do Recife. Os participantes puderam se inscreveram gratuitamente. Amanhã a programação será à noite, quando cerca de 70 pessoas com deficiências e mobilidade reduzida assistirão ao show do cantor Milton Nascimento no Teatro Guararapes, gratuitamente. A ação faz parte do Projeto Horizonte Cultural.
Na quinta-feira, ainda dentro do Horizonte Cultural, os participantes do Instituto dos Cegos e do Centro de Apoio ao Surdo de Pernambuco vão visitar o museu Cais do Sertão, às 9h. Na ocasião, as pessoas cegas e as pessoas surdas visitarão o equipamento e contarão com áudio descrição e intérprete de libras.
No mesmo dia, acontece também o Luau do Praia Sem Barreiras de Boa Viagem, em parceria com a Prefeitura do Recife e a Uninassau. Para animar, cerca de 200 pessoas poderão curtir show gratuito de voz e teclado de Celo Gomes, das 18h às 21h, no Posto 7, na altura da Rua Bruno Veloso.
“Estamos promovendo ações durante a Semana Nacional de Pessoa com Deficiência pois temos um compromisso com a causa, tanto para quem vista o Estado, quanto para quem vive nele. As atividades proporcionam às pessoas com deficiência opções de lazer, capacitação e informação, integrando-as e promovendo a inclusão na sociedade”, afirma o Secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carrerras.
No sábado (26), a programação continua com apresentações culturais, a exemplo da Banda Segnus, que é formada por pessoas cegas ou com baixa visão, além de Show de Talentos com dança e manifestações culturais como o forró, frevo e samba. As atividades serão realizadas por pessoas com algum tipo de deficiência no Aeroporto Internacional do Recife. Como mestre de cerimônias, a Seturel-PE convidou Bruno Ribeiro e Amanda Moraes, que são pessoas com Síndrome de Down. Entre as apresentações culturais, a Secretária organizou apresentações de balé com Amanda Cabral (usuária de cadeira de rodas com paralisia cerebral) e Amanda Lima (Síndrome de Down); Frevo com Caio Rocha (Síndrome de Down); Samba com Bruno Ribeiro (Síndrome de Down); Zumba com Priscila Mesquita (Síndrome de Down) e a Banda do Projeto Encontro com grupo formado por autistas, pessoas com paralisia cerebral, síndrome de down, pessoas cegas, usuárias de cadeira de rodas e deficiência intelectual.
Durante a semana, também serão anunciadas as inscrições para a o novo curso de Recepcionista de Eventos para pessoas com Síndrome de Down, desta vez em Petrolina, no Sertão pernambucano. Serão oferecidas 20 vagas na turma. As inscrições e as aulas estão programadas para o próximo mês de setembro. “Devido ao sucesso que foi o Curso de Recepcionista de Eventos para pessoas com Síndrome de Down no Recife, resolvemos expandir para outros destinos turísticos. Com isso, começamos a disseminar a questão da inclusão social em Pernambuco”, cometa Carreras.
O já consagrado Domingo na Arena, programação do fim de semana da Arena de Pernambuco que reúne a família pernambucana, também entrará no circuito das ações da Semana da Pessoa com Deficiência. No domingo (20), uma das cadeiras anfíbias utilizadas no banho assistido e a esteira de acesso ao mar estará disponível no estande da Empetur. Além do espaço, a Arena de Pernambuco será palco de uma apresentação cultural das mães e filhos da Aliança de Mães e Famílias Raras (AMAR).
Durante a edição especial do Domingo na Arena, o tour para conhecer o equipamento será gratuito para as pessoas com deficiência. “Pernambuco tem cerca de 2,4 milhões de pessoas com deficiência, ou seja, 27,58% da população tem algum tipo de deficiência motora, física, intelectual ou sensorial, de acordo com o último senso do IBGE de 2010”. Querem aproveitar esta semana para dar opções de lazer de qualidade para essas pessoas e inseri-las cada vez mais na sociedade, complementa Carreras.
Ascom Setur-Empetur-PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.