Banda-fôrra lança disco e grava DVD ao vivo no Centro Cultural Casa da Pólvora

Eventos Culturais
Anúncios

Com shows da Banda-fôrra, que grava DVD ao vivo e lança disco, da banda Vieira, e uma feirinha criativa, o Pólvora Cultural deste domingo (28), no Centro Cultural Casa da Pólvora, promete ser bastante movimentado. O projeto, promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope), integra a programação do AnimaCentro. O evento começa às 16h e é gratuito.
Quem abre a programação da tarde é a banda Vieira, formada por Arthur Vieira (vocal, guitarra), Marcus Menezes (bateria) e Pedro Chico (guitarra, vocal), contando ainda com Daniel Jesi (baixo) e Cassicobra (Percussões) no set ao vivo, que vai mostrar músicas do primeiro EP “Comercial Sul” (2015) e do EP inédito “Parahyba Vive!”, gravado no ano passado e que deve ser lançado no próximo mês.
No primeiro disco a banda fala do real e do fictício em torno do cotidiano na cidade de João Pessoa. No segundo, gravado no Red Bull Studios, em São Paulo, como premiação do concurso Red Bull Break Time Sessions, do qual participaram mais de cem bandas, passando por etapas de curadoria interna e votação do público na internet, a Vieira aborda múltiplos assuntos.
Depois o palco será da principal atração do domingo, a Banda-fôrra, que lança o disco “Trilha”, gravado no ano passado, e também grava o DVD homônimo, que será lançado ainda este ano. No repertório, músicas como ‘Apego’ (Ernani Sá), ‘Lâmina’ (Ernani Sá/Guga Limeira), ‘Trilha sonora’ (Ernani Sá/Guga Limeira) e ‘Diz nos meus olhos’ (Hugo Limeira/Guga Limeira), que constam do novo trabalho.
Formada por Guga Limeira (voz), Hugo Limeira (guitarra e voz), Ernani Sá (guitarra e sintetizador), Matteo Ciacchi (baixo) e Lucas Benjamin (bateria), a Banda-fôrra surgiu em 2014, mesclando psicodelia, rock e música brasileira. Em 2015 lançou seu primeiro disco, o EP que leva o nome do grupo.
O grupo já participou de eventos importantes como o Festival Mundo, Hacienda Festival, Campus Festival, Festival Indie Sessions, Festival Grito Rock João Pessoa, Festival Rock Cordel Sousa, e se apresentou nas cidades de Campinas eSorocaba, interior de São Paulo, além de ter dividido o palco com nomes como Nação Zumbi, Boogarins, Mahmed, Tono, Carne Doce, Anjo Gabriel e Glue Trip.
Feirinha criativa – A partir deste domingo (28), sempre na última apresentação do mês, quem for ao Pólvora Cultural também poderá aproveitar a feirinha criativa, uma feira multicultural onde será possível comprar, vender e trocar, discos de vinil, CDs, DVDs, HQs, livros, camisetas, etc. Não precisa fazer cadastro ou inscrição. Basta chegar e organizar seus produtos na área que será disponibilizada pela Funjope.
O projeto – O Pólvora Cultural integra o AnimaCentro, que tem como objetivo ocupar os espaços históricos revitalizados pela atual gestão com uma programação cultural diversificada em seis polos: Parque da Lagoa, Praça da Independência, Hotel Globo, Centro Cultural Casa da Pólvora, Casarão 34 e Praça Antenor Navarro.O Pólvora Cultural faz uma pausa durante o Folia de Rua e o Carnaval e retorna no dia 18 de fevereiro.
Secom João Pessoa