Empresas negam retirada de ônibus das ruas e usuários dizem que a redução é maior do que 25% da frota

Cotidiano Destaque
Anúncios

O presidente do Sindicato das Empresas de Ônibus da Paraíba, Isac Moreira Junior, negou que os ônibus serão retirados das ruas de João Pessoa a partir das 12h desta quinta-feira (24). Segundo ele, a frota foi reduzida em 75% e funciona em sistema de sábado. Porém, ele advertiu que poderá haver redução maior na medida em que comece a falta combustível para abastecer os veículos.
A informação de que os ônibus iriam parar continua circulando pelos grupos de whatsApp e redes sociais.
Apesar de confirmar que 75% da frota dos ônibus estão nas ruas, a sensação dos usurários é de que essa redução é bem maior. Quem circula pela cidade percebe a falta de ônibus nos principais corredores da capital paraibana. Alguns chegam a informar que levaram mais de duas horas para chegar ao trabalho.
“Em dias de sábado, vejo muito mais ônibus circulando do que agora aqui na orla marítima”, afirmou José Guedes, funcionário público. Já o servente Pedro Luiz, disse que estava esperando o ônibus de Manaíra para Mangabeira, na avenida Edson Ramalho, a mais de uma hora. “Não passa nenhum ônibus”, denunciou.
Fábio Cardoso