Blitz surpresa flagra veículos de turistas sem guias regionais

Cotidiano Destaque
Anúncios

As empresas de receptivo que passaram na tarde desta terça-feira (04) a caminho da Praia do Jacaré, em Cabedelo (PB), para levar os turistas para curtirem o pôr do sol, foram pegas de surpresa com uma ação conjunta para combater a prática de passeios turísticos sem guias regionais. Dos 10 veículos abordados, entre ônibus, vans e carros pequenos, apenas um tinha embarcado um guia nacional e regional.
De acordo com o diretor de Marketing da PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), Luciano Lapa, a Portaria federal de número 27, de 30 de janeiro de 2014, estabelece requisitos e critérios para o exercício da atividade de Guia de Turismo. A Portaria proíbe o transporte de turistas de um Estado para outro sem a presença do guia regional. Nem mesmo um guia nacional tem credenciamento para a atividade profissional nesses casos. Todos os guias de turismo também são obrigados a estarem cadastrados junto ao Ministério do Turismo.
A abordagem desta terça, segundo Luciano Lapa, foi apenas educativa, mas os nomes dos motoristas e os números das placas dos veículos foram anotadas pela representante do MTur, que oficializa o cadastro único dos guias, para, na próxima operação, serem notificados pela ausência do guia regional.
Na opinião do diretor de Marketing da PBTur, essa ação é importante para garantir o exercício profissional dos guias locais, mas, sobretudo, para uma melhor prestação de serviço aos turistas, que precisam receber informações corretas sobre os destinos. “Soubemos que essa ação já teve repercussão positiva junto à categoria que atua em Pernambuco e Rio Grande do Norte, via WhatsApp”, revelou o diretor da estatal.
Participaram da ação educativa representantes do Sindicato dos Guias de Turismo da Paraíba, Polícia Militar, Ministério do Turismo, Delegacia Especializada de Atendimento aos Turistas, Superintendência de Mobilidade Urbana de Cabedelo, Detran-PB e PBTur.
Fábio Cardoso