Doze aeroportos do Brasil estão entre os mais pontuais do mundo

Doze aeroportos brasileiros e quatro companhias aéreas que atuam no país estão na lista dos mais pontuais do mundo, de acordo com o relatório anual da consultoria britânica OAG. A empresa aérea Azul foi considerada a mais pontual na categoria low cost (baixo custo). O Grupo Latam, que opera no Brasil e outros países da América Latina, foi a mais pontual na categoria média empresa. O aeroporto de Curitiba (PR) teve o melhor desempenho entre os terminais brasileiros, sendo o 4º melhor em sua categoria, com 86,26% de pontualidade.

Para o secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann, o desempenho expressivo do Brasil, apresentado no relatório internacional, demonstra a integração e comprometimento das grandes parcerias entre os órgãos públicos e o setor privado, associações e entidades envolvidas.

“Este resultado reflete uma política pública muito forte, que já vem sendo executada ao longo da última década e com base nas experiências dos grandes eventos sediados no Brasil. O país está consagradamente entre os melhores operadores, tanto de linhas aéreas quanto de aeroportos do mundo, inclusive atendendo aos padrões internacionais de pontualidade”, afirmou o secretário.

Segundo Glanzmann, é preciso destacar os trabalhos realizados pelo Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (CGNA/DECEA), pela Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero), coordenada pelo Ministério da Infraestrutura; pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), órgãos de controle de fronteiras, operadores aéreos e aeroportuários.

Desempenho dos aeroportos

Aeroporto de Curitiba é um dos mais pontuais do mundo

Os terminais de Curitiba (PR), Fortaleza (CE) e Salvador (BA) estão entre os 20 mais pontuais do mundo na categoria, que considera a oferta de 2,5 milhões a 5 milhões de assentos nos voos originados por ano. O terminal curitibano teve a melhor classificação entre os brasileiros, 4º lugar, com 86,26% de pontualidade. Fortaleza ficou em 8º (83,82%) e Salvador em 13º (82,97%).

Na categoria entre 5 e 10 milhões, o país teve seis aeroportos classificados no ranking dos 20 mais pontuais do mundo da categoria. Viracopos, em Campinas (SP), ficou em 3º com 85,95%, sendo o melhor ranqueado entre os terminais brasileiros. O aeroporto de Recife ficou em 4º lugar, com 84,93%, seguido de Santos Dumont, no Rio de Janeiro (RJ), em 5ª com 84,88%; e Confins, Belo Horizonte (MG), em 6ª, com 84,84%. O aeroporto do Galeão ficou em 8º (83,73%) e Porto Alegre em 9º (83,64%).

No ranking dos aeroportos com oferta de 10 a 20 milhões, o terminal de Brasília (DF) subiu uma posição em relação ao ano passado, saltando do 4º para o 3º lugar, ficando com 86,08% de pontualidade. O aeroporto de Congonhas, em São Paulo (SP), também se destacou entre os melhores, ficando em 6º lugar, com 84,64% de voos dentro do horário programado. E Guarulhos, na categoria de 20 a 30 milhões, foi o único representante brasileiro elegível e ficou entre os 10 primeiros do ranking, com 79,91% de pontualidade.

O desempenho dos aeroportos de Curitiba, Fortaleza, Salvador, Campinas, Recife, Belo Horizonte, Rio de Janeiro (Santos Dumont e Galeão), Porto Alegre e Brasília mereceram uma menção honrosa ao Brasil pela própria OAG, devido à performance de pontualidade desses terminais em suas respectivas categorias.

Entre as companhias aéreas, que atuam no Brasil, também ganharam destaque nas diversas categorias. Entre as 20 melhores companhias aéreas do mundo, avaliadas pela da OAG, se destacaram duas empresas que atuam no Brasil: o grupo Latam, que ficou em 7º lugar (85,6% de pontualidade) e a brasileira Azul em 8º (85,21%).  A Latam também foi considerada a mais pontual do mundo na categoria “mega empresa” e, por isso, ganhou menção honrosa. No ano anterior havia ficado na 8ª posição.

No segmento “média empresa”, a companhia conseguiu também o 7º lugar e a Avianca Brasil ficou em 20º, com 81,15% de pontualidade. Na categoria “low cost”, a Azul foi considerada a mais pontual (85,21%) e ganhou menção honrosa, pois era a 5ª no relatório anterior. A Gol também aparece neste segmento na 11ª posição.

No ranking por região – América Latina – a Latam fica em 2º lugar, atrás apenas da Copa Airlines com 89,79% de voos dentro do horário. A Azul vem logo atrás, na 3ª posição, a Avianca Brasil em 5º lugar e a GOL em 9º lugar.

RELATÓRIO OAG – A consultoria britânica avaliou 58 milhões de voos e as 250 companhias aéreas que mais voaram em 2018. O critério da OAG para classificar o voo como “pontual” é decolar ou pousar com desvio de horário abaixo de 15 minutos, incluindo os voos cancelados que reduzem a pontualidade da empresa ou aeroporto.

Ministério dos Transportes

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *