Relato de uma viagem de conhecimentos e experiências

Regina Amorim

No dia 25 de setembro de 2018 fiz palestra no II SILAQ – Simpósio Internacional de Lazer e Qualidade de Vida, no auditório da Faculdade de Ciências Politicas y Sociologia, em Granada, Espanha. Participei do primeiro painel, com a terceira palestra: João Pessoa Cidade Criativa da UNESCO. Foi uma experiência gratificante para a minha vida profissional. Representar o SEBRAE no SILAQ foi de grande importância, considerando a oportunidade de compartilhar o quanto estamos evoluindo, agregando valor ao turismo alternativo e não ao turismo de massa.

Na Europa, turismofobia já está impactando os destinos turísticos. Perceber que estamos atuando no turismo da forma correta, já nos fortalece para novos desafios. Significa que João Pessoa está ocupando seu espaço, gerando visibilidade e se posicionando no mercado nacional e internacional, como cidade criativa, sustentável e que tem qualidade de vida. A integração do SEBRAE com a UFPB e a Universidade de Granada, significa ocupar um espaço de gestão de conhecimento e de cooperação técnica, que muito contribui para a gestão de negócios sustentáveis.

No dia 26 de setembro seguimos caminhando à Universidade de Granada para o segundo dia do SILAQ – Simpósio Internacional de Lazer e Qualidade de Vida. A paisagem urbana das construções medievais, me encantaram. Muitas ruas estreitas, ainda do século XVI. A Gran Vía é a principal rua do centro histórico de Granada, com 20m de largura, que se caracteriza pela arquitetura do início do século XX.


Veja que ideia bacana encontramos no caminho e que mereceu uma foto, para que seja aproveitada como uma sugestão, para uma das nossas cidades que trabalham com o processo de cerâmica rudimentar. Quantas cidades da Paraíba, que tem essa identidade cultural do artesanato de cerâmica, poderia inovar o cenário urbano…


Em frente a Loja Tauriq de decoração e antiguidades

Houve tempo para conhecer a Catedral de Granada, uma magnífica obra arquitetônica do século XVI, um símbolo do poder do novo cristianismo. Também vivenciamos o comércio na sua proximidade, enquanto saímos para almoçar. A Catedral de Granada levou 181 anos para ser construída. É considerada uma obra de arte, da arquitetura renascença espanhola.


Catedral de Granada

Granada é a capital espanhola das tapas, os tradicionais tira-gostos espanhóis. Granada é famosa na Espanha por ser a cidade onde toda bebida vem acompanhada por uma tapa de cortesia.

Finalizamos o 2º SILAQ com o lançamento do livro sobre Lazer a Qualidade de Vida, uma publicação da UFPB, trazendo os temas do 1º SILAQ, realizado no auditório da Reitoria – UFPB (2017). Nesse livro, escrevi um capítulo sobre Lazer e Qualidade de Vida em João Pessoa -PB. Nesse livro, escrevi um capítulo sobre Lazer e Qualidade de Vida em João Pessoa -PB.


Professora Dilma Brasileiro lançamento do livro sobre Lazer a Qualidade de Vida, uma publicação da UFPB.

Uma surpresa agradável foi assistir a um Concerto Flamenco, ao vivo, com Miguel Soler, acompanhado por Rafael Soler e Miguel Ángel Corral, no espaço de eventos da Casa de Hóspede, da Universidade de Granada.


Concerto Flamenco, na Casa de Hóspedes da Universidade de Granada.

Ainda nessa noite, a Universidade de Granada nos ofereceu a visita ao bairro de Albaicín, certificado pela UNESCO, como “Patrimônio da Humanidade”. O maior tesouro de Granada é o Palácio de Alhambra, um dos mais impressionantes monumentos mouros da Europa. Em Alhambra, a magia da arquitetura mourisca mistura luz, água e decoração sofisticada. Uma das áreas de destaque do Palácio de Alhambra é o “Pátio dos Leões”, um pátio cercado por 124 colunas e no centro aparece a fonte com 12 leões de mármore.

É o palácio árabe medieval mais bem preservado, em todo o mundo e a maior atração turística de Granada, na região da Andaluzia.

Palácio de Alhambra
Palácio dos Leões

No dia 29 de setembro retornamos para Lisboa – Portugal. Ficamos hospedados no Hotel IBIS Lisboa Liberdade. Tem localização privilegiada, no coração da cidade, para desfrutar da riqueza que a bela cidade de Lisboa tem a oferecer. Perceba a decoração digital e o design dos espaços…

Cada Hotel IBIS é um centro de criatividade, um estilo de convívio animado. Todos os hotéis são decorados com uma temática, não havendo limites para a criatividade.


Hotel Ibis Lisboa Liberdade.

Em Lisboa fomos conhecer o Centro de Inovação Criative Hub – Mouraria – Lisboa, que está sob a responsabilidade da Câmara Municipal de Lisboa, com o apoio do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.


Fachada lateral do Mouraria Creative Hub (uma ideia interessante).

Funciona de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 13h e das 14h às 17h30. Na quinta-feira é aberto para visitas e informações, nesse mesmo horário. Centro de Inovação Criative Hub – Mouraria é a primeira incubadora de empresas de Lisboa, que apoia projetos e ideias de negócios das indústrias criativas, nas áreas de design, moda, música, mídia, produção cultural, entre outros.

Com Dilma Brasileiro – UFPB e Bernardo Gaieiras – diretor executivo da Mouraria Creative Hub – Direção Municipal de Economia Criativa

Dispõe de uma ampla rede de mentores, formação e consultoria, acesso a soluções de financiamento e uma equipe multidisciplinar, para apoiar os projetos.

O Centro de Inovação Criative Hub – Mouraria, Lisboa, trabalha com 16 marcas, dentre elas Taste of Lisboa – Food Tours. Eles reinventaram os conceitos dos restaurantes e criaram receitas culinárias que se tornaram mundialmente famosas. Em quatro horas, é possível visitar sete pontos que unem brilhantemente a tradição à modernidade.


Creative Hub – Mouraria – Lisboa

Outra marca interessante é a DOME – Design Objets Meet Ethisc, uma loja online, de produtos de várias partes do mundo, com princípios, sociais, ambientais e culturais. DOME é uma iniciativa da Blindesign – Ethical Solutions, que visa inspirar a mudança para o consumo consciente, desmistificando conceitos e contribuindo para alterar o paradigma de consumos.


Folheteria que eu trouxe do Centro Mouraria

Lisboa é realmente uma das cidades mais competitivas, inovadoras e criativas da Europa. Uma cidade sustentável que atrai investimentos, cria empregos e retém talentos. Lisboa tem apostado também na inovação e no empreendedorismo, um excelente exemplo para João Pessoa e outras cidades da Paraíba.

Viajar a negócios, não é só ficar em quatro paredes de um hotel ou de sala da aula. É fazer o que estava previsto, mas também aproveitar o máximo para conhecer a cultura do lugar, o desenvolvimento local, os negócios que estão sendo referências.

Uma viagem a negócios tem o poder de ampliar fronteiras e mercados de atuação das empresas, fechar parcerias da maior qualidade, promover a sua marca, incrementar a formação dos colaboradores, além de muitos outros benefícios.

Foram muitos os insights que tive durante essa viagem e que poderão ser transformados em projetos estruturantes na Paraíba, principalmente nos segmentos de economia criativa e turismo, além de estreitar relações técnicas com outras universidades e outros órgãos técnicos de Lisboa e Granada.

Já estou em negociação com o Centro Creative Hub, de Mouraria – Lisboa, para formalizar uma possível parceria com o Projeto de Economia Criativa do SEBRAE/PB.

As palestras do II SILAQ geraram novos conhecimentos, sobre um mercado que se encontra em expansão: lazer e qualidade de vida, saúde e bem-estar.

Gratidão a Deus e à diretoria do SEBRAE/PB por me apoiar. Também agradeço à Professora Dilma Brasileiro, da UFPB, idealizadora desse lindo projeto, que abre portas para o Lazer e a Qualidade de Vida. Uma parceira, que me acompanhou em toda essa viagem, contribuindo para o meu crescimento profissional e a possibilidade de ir mais longe, considerando o propósito que me move.

Regina Medeiros Amorim
Mestre em Visão Territorial e Sustentável do Desenvolvimento,
Pós graduada em Gestão e Marketing do Turismo,
Gestora de Turismo e Economia Criativa do SEBRAE – Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.