Infraero inaugura central de resíduos sólidos no Aeroporto de Goiânia

Aviação

A Infraero inaugura no dia 1º de fevereiro a Central de Resíduos Sólidos (CRS) do Aeroporto de Goiânia/Santa Genoveva. A nova instalação, numa área de 2,78 mil m², vai armazenar cerca de 20 toneladas de resíduos gerados por mês por passageiros e demais frequentadores do aeroporto, dando a correta destinação a esses materiais.

A estrutura conta com área para armazenamento de contentores da Infraero, concessionários e companhias aéreas que operam no aeroporto. Neste local, o resíduo chega separado de acordo com a sua classe (reciclável, orgânico e infectante) e permanece temporariamente armazenado até que ocorra a coleta para destinação final.

A construção da central recebeu investimento de R$ 1,25 milhão e contou com o acompanhamento da Anvisa, o que possibilitou a construção de uma instalação capaz de atender aos voos domésticos e internacionais, garantido o armazenamento em conformidade com o regramento ambiental e sanitário. “Nós estamos prontos para atender a indústria da aviação com excelência e responsabilidade ambiental. Com essa nova Central e os processos a ela relacionados, o Aeroporto Santa Genoveva evolui seu gerenciamento de resíduos e melhora suas práticas relacionadas ao tema, avalia o superintendente do aeroporto, Antônio Erivaldo Sales.

A Infraero já se reuniu com as empresas que atuam no aeroporto para orientar sobre os procedimentos que serão adotados. A coleta interna será feita duas vezes ao dia e a remoção, para destinação final em aterro sanitário, ocorrerá uma vez ao dia por meio de empresa contratada pela Infraero.

Assessoria de Imprensa Infraero

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.