Gol suspende operações com Boeing 737 MAX 8

Aviação Brasil
Anúncios

A Gol suspendeu a operação de suas sete aeronaves Boeing 737 MAX 8 nesta segunda-feira (11), após um acidente envolvendo a queda de avião de mesmo modelo na Etiópia matar todas as 157 pessoas a bordo no domingo (10). “Sendo Segurança o valor número um da GOL, que direciona absolutamente todas as iniciativas da empresa, a companhia informa que por liberalidade, a partir das 20h desta segunda-feira (11), suspenderá temporariamente as operações comerciais das suas aeronaves 737 Max 8”, anunciou a companhia, em nota.

Mais cedo nesta segunda, o Procon-SP anunciou que pediria a suspensão imediata dos voos 737 MAX 8 da Gol. Segundo a entidade, o pedido visa prevenir a ocorrência de futuros acidentes, evitando colocar em risco a vida dos usuários do transporte aéreo. As ações da Gol fecharam em baixa de 1,21%.

O Boeing 737 MAX é a espinha dorsal da recente expansão internacional da Gol. Com 135 encomendas – dos modelos MAX 8 e 10 -, a companhia é a única brasileira a operar essa versão atualizada do avião comercial mais vendido da história. A primeira unidade foi recebida pela Gol em junho de 2018. Atualmente, sete já estão em operação, basicamente em rotas internacionais. O plano da Gol era concluir até 2028 a renovação de toda sua frota dos atuais 737, fabricados nos anos 1990 e 2000.

Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.