Paraguai passa exigir o certificado de vacina de febre amarela

Cotidiano
Anúncios

Desde 10 de maio de 2019, o Ministério da Saúde Pública do Paraguai passou a exigir o Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela de todos os passageiros com mais de um ano de idade e que estejam viajando entre o Brasil e Paraguai (origem ou destino).

O Certificado deve ser apresentado no aeroporto de origem comprovando que o passageiro tenha tomado a dose da vacina com, pelo menos, dez dias de antecedência da data da viagem ao Paraguai. Se isso não acontecer, o cliente não poderá embarcar.

Hoje, com destino a Assunção, temos voos de Curitiba, pela Paranair, e de Guarulhos, pela Gol e pela Latam Airlines Paraguay, que em 15 de dezembro, iniciará voos de Brasília para o destino.

Aviação Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.