Cultura, Patrimônio e Reciclagem são destaque na Feira Internacional de Negócios Criativos e Colaborativos

Destaque Paraíba
Anúncios

Estimular a criatividade e a colaboração dentro dos negócios, como forma de promover uma economia da abundância em oposição à da escassez. Essa é a proposta da economia criativa, que está sendo debatida durante a Feira Internacional de Negócios Criativos e Colaborativos (Fincc 2019). Nesta sexta-feira (27), os visitantes poderão conferir uma programação de palestras voltada para diversas áreas. A FINCC acontece até este sábado (28), das 14h às 21h, no Espaço Cultural, em João Pessoa.

Para dar início a programação, Juan Luis Restrepo, gerente de música do Programa “Bogotá”, ministra a palestra “Cultura e Patrimônio na Escola Criativa: Bogotá – Cidade Unesco da Música”, às 15h. Em seguida, às 16h, o tema “Experiências, Projetos, e Ações Desenvolvidas no Campo da Música, na Cidade da Praia – Capital de Cabo Verde, País-Arquipélago no Oceano Atlântico, a Oeste do Senegal”, será discutido por Antônio Lopes Silva, prefeito da Cidade da Praia, em Cabo Verde. Outro destaque da programação é o tema “Salvador: Cidade Unesco da Música e Rede Brasileira de Cidades Criativas”, que será ministrado pela coordenadora do Próximo Ecriativa, Soraya Pessino.

O empreendedor criativo Cesar Paz também participa do evento com a palestra “Economia Criativa como Solução para a Cidade”, às 18h. Cesar é mestre em Design Estratégico e fundador de seis empresas nos segmentos de comunicação, audiovisual, conteúdo, media e design. Entre os destaques, também está a palestra “Reciclagem com Alto Valor Agregado: Arquitetura + Moda + Design”, com Silvina Martinez, às 19h, e “Centros Criativos e Colaborativos como Alavancas de Desenvolvimento de Cidades”, às 20h, com Fernando Garcia, idealizador do Projeto mARTadero (Cochabamba, Bolívia).

Encerramento – Neste sábado (28), a Feira Internacional de Negócios Criativos e Colaborativos (Fincc) encerra a programação após quatro dias de exposições, networking, negócios e palestras sobre moda, artesanato, arquitetura, gestão cultural, design, música, dança, empreendedorismo e arte cênica. Ministradas por conferencistas reconhecidos em todo o mundo, as palestras têm promovido discussões fundamentais para entender o peso das novas economias em cada uma das áreas envolvidas. O evento é uma promoção do Sebrae Paraíba, com o apoio do Governo do Estado da Paraíba.

Para o último dia de evento, os visitantes poderão conferir a palestra “Como Aumentar em 500% a Visitação a Museus”, às 15h, com a advogada especializada em direito da cultura e arte Marta Pérez Soria, também gestora cultural em âmbito público e privado (Valência, Espanha). Ela atua no Consórcio de Museus da Comunidade Valenciana, que reúne 11 museus de três cidades dessa província.

Às 16h, a gestora cultural Cristina Alonso ministra a palestra “O Valor e o Impacto da Cultura e Negócios Criativos para a Sociedade”. Cristina dirigiu, de forma colaborativa, uma das Fábricas de Creación da cidade de Barcelona (Espanha), rede de equipamentos culturais da prefeitura local, e pretende convidar a Paraíba para se integrar à Asociación Internacional de Gestión Cultural 4D, atualmente iniciada por 14 instituições de seis países, que operam de forma colaborativa.

Em seguida, às 17h, haverá a palestra “Colaboração + Juventude+ Dança + Meio Ambiente = 80 mil Beneficiados”, com o bailarino, produtor cultural e professor Thiago Alixandre, presidente do Conselho Municipal de Cultura de Votorantim (SP). Para encerrar a programação, a professora, pesquisadora, gestora e curadora na área de artes cênicas Maria José Cifuentes Miranda, de Santigo (Chile), abordará o tema “Plataforma de Circulação e Internacionalização de Negócios Criativos”. Maria José é Mestre em prática cênica e cultura visual pela Universidade de Alcalá, na Espanha.

VivasComunicação