Sebrae-PB terá pela primeira vez projeto de economia criativa

Paraíba

O Sebrae Paraíba terá pela primeira vez um projeto de economia criativa. Os interessados dos segmentos a serem trabalhados poderão procurar a gestora de Turismo e Economia Criativa do Sebrae Regina Amorim.
O projeto visa atender 30 empresários de João Pessoa (15 MEI; 10 ME e 05 EPP) e 70 empresários dos municípios de Cabedelo e Santa Rita, Campina Grande, Remígio, Matinhas Santa Luzia, São Mamede e Patos, atendidos pelas Agências de João Pessoa, Campina Grande e Patos (30 MEI; 30 ME e 10 EPP).
Podem participar empresários ligados aos segmentos de audiovisual, comunicação, design, música, startups digitais, e tecnologia da informação e comunicação.
De acordo com Regina Amorim, esse projeto será referência para outros micro e pequenos negócios, em cada região. São ao todo 9 municípios, sendo 3 no litoral, 3 no sertão e 3 no agreste paraibano.
Objetivo
A gestora de Turismo do Sebrae disse que o projeto visa transformar empresas de audiovisual, comunicação, design, música, startups digitais, tecnologia da informação e comunicação, em negócios criativos, inovadores, ancorados na economia criativa, economia colaborativa, em soluções tecnológicos e criativas para melhorar os seus processos produtivos, gerando aproximação com o mercado.
Foco estratégico
* Fortalecer as redes criativas como indutor de inovação, colaboração e agregação de valor na economia;
* Melhorar os produtos e processos de produção (Inovação);
* Preparar empresas para o uso de novas tecnologias digitais (Inovação);
* Buscar formas inovadoras de ampliar a competitividade no mercado. (Marketing Digital).
Desenvolvimento de empresas criativas
• Desenvolver e formatar produtos e processos criativos, agregando valor às empresas dos segmentos de audiovisual, comunicação, design, música, startups digitais, e tecnologia da
informação e comunicação.
* Desenvolver consultoria de inovação e criatividade nas empresas.
* Desenvolver qualificação para empreendimentos de audiovisual, comunicação, design, música, startups digitais, e tecnologia da informação e comunicação.
* Consultoria de marketing digital para ampliar a competitividade no mercado.
* Promover o desenvolvimento de empresas criativas nos segmentos de audiovisual, comunicação, design, música, startups digitais, e tecnologia da informação e comunicação.
* Realizar consultorias de design e inovação,  para as empresas, público alvo do projeto.
* Realizar oficinas criativas de design com referência cultural, de produtos simbólicos.
* Realizar o mapeamento das singularidades culturais.
Acesso ao mercado 
• Realizar o Salão Internacional da Economia Criativa em João Pessoa.
• Participar de feiras de economia criativa e rodada de negócios.
• Criar plataforma da indústria criativa, resultado desse projeto, visando negócios digitais, em aplicativos móveis e redes de relacionamentos.
• Realizar “Fampress” para promover os novos produtos criativos, através da mídia espontânea.
Redação

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!