Governador eleito da Paraíba se diz aberto a encontro com Bolsonaro

Paraíba

O governador eleito da Paraíba, João Azevedo, explicou por meio de nota distribuída pelo PSB-PB, que não foi ao encontro dos governadores eleitos na última eleição de outubro, simplesmente porque não existiu convite do presidente eleito, Jair Bolsonaro. O encontro estava marcado para esta quarta-feira (14), em Brasília.

“É mentirosa qualquer outra informação que se divulgue sobre o assunto sem levar em conta essa afirmativa. Quando houver (a reunião), estarei completamente disposto a participar e lutar pelas demandas da Paraíba, que são muitas e necessárias, junto à União, da mesma forma que participei ao lado do governador Ricardo Coutinho dos encontros com então presidente Michel Temer, e seus antecessores, bem como da bancada federal paraibana, independentemente das diferenças políticas de seus integrantes.”

João Azevedo explicou ainda, que a reunião em questão foi idealizada e convocada por um dos governadores eleitos este ano (João Dória, de São Paulo), “sem pauta definida, sem confirmação prévia da participação do presidente eleito e sem o mínimo sinal de que servirá, efetivamente, para trazer resultados práticos.”

O governador paraibano revelou que estará participando, brevemente, de uma reunião com os governadores eleitos e reeleitos do Nordeste a fim de que possam consolidar as reivindicações da região, bem como as específicas de cada estado para que possam “provocar encontro com a futura gestão do governo federal e assegurar conquistas de ações importantes para o nosso povo.”

“Ao longo de todo esse tempo, já tivemos a clara capacidade de demonstrar que os interesses da Paraíba, para nós que fazemos parte desse projeto transformador, estão acima de qualquer disputa política.”

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.