Projeto busca alternativas para ajudar restaurantes de João Pessoa a superarem a crise provocada pela pandemia

Cotidiano Paraíba
Anúncios

O impacto econômico da quarentena sobre os restaurantes ainda não é conhecido mas já preocupa o mercado. Pensando em uma solução para ajudar os estabelecimentos a manterem as portas abertas e não sofrerem tantos danos causados pelo Covid-19, a empresa de branding e consultoria gastronômica Abridor vai lançar a plataforma Fique em Casa Delivery, juntamente com os parceiros MVarandas e Delivery Direto. A plataforma, que não cobrará comissão, promete ser a solução para restaurantes que ainda não estão atuando com entrega ou enfrentam altas taxas de marketplaces.

A iniciativa surgiu quando os restaurantes precisaram fechar em decorrência da quarentena imposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Sem clientes, os empresários do ramo precisaram investir em delivery como sobrevivência e não como opção. A plataforma ainda não foi lançada e já possui mais de 20 restaurantes interessados e poderá ser acessada pelo endereço fiqueemcasadelivery.com.br. Entre as vantagens da plataforma, o associado não precisará pagar comissão, apenas uma taxa de manutenção da ferramenta.

Além dessas vantagens, o projeto não oferece apenas uma ferramenta de entrega, com uma plataforma bem estruturada, mas também reúne profissionais dos ramos de comunicação e marketing que se disponibilizaram para ajudar os membros com dicas para alavancar as vendas e divulgarem seus produtos, de forma gratuita.

De acordo com Thiago Ferreira, cofundador da Abridor e proprietário da Lambreta 79, o projeto atuará em frentes voltadas para a solução de problemas nesta crise. “Atuaremos em três frentes, criação de espaços de vendas junto a parceiros como a MVarandas, que disponibiliza o sistema e a integração com a empresa. Uma segunda frente, chamando a atenção para o assunto referente às dificuldade dos restaurantes. Já em uma terceira frente, reunimos um grupo com vários experts para prestarem consultorias e orientações aos negócios como adaptação de embalagens, cardápios e comportamento digital”, afirma Thiago.

O empresário, Marcus Varandas, um dos parceiros no projeto, é o responsável pela plataforma que gerencia os pedidos e a entrega dentro do aplicativo. Varandas também é proprietário do Menew, empresa do ramo de food service, líder no Brasil. “Neste momento de crise, precisamos de iniciativas como esta. Não podemos esperar que os negócios entrem em crise. Por isso, aceitei o desafio. Nossa especialidade é criar soluções para o mercado de food service e, por isso, estaremos juntos nesta trajetória”.

Assessoria de Imprensa