Com 1.793 municípios, no Nordeste, apenas 109 cidades decretaram feirado alusivo à Consciência Negra, comemorado nesta sexta-feira

Brasil

O Dia da Consciência Negra é comemorado na data da morte de Zumbi dos Palmares, em 20 de novembro. Ele foi o último líder do maior dos quilombos do período colonial, o Quilombo dos Palmares. A data foi incluída no calendário escolar nacional em 2003 e em 2011 a Lei 12.519 instituiu oficialmente a data como o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra.

A data é feriado em mais de mil cidades brasileiras. A lei que regulamenta a data pode ser conferida no levantamento da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir).

Na Paraíba, apenas a capital João Pessoa é feriado. No Nordeste, Alagoas é o único estado onde em todas as cidades é feriado. No total, incluindo a Paraíba e excluindo Alagoas, são apenas sete municípios decretaram por lei feirado alusivo ao Dia da Consciência Negra. No Ceará, Pernambuco e Piauí em nenhum município é feriado, enquanto que, na Bahia, somente três cidades decretaram feriado. A região Nordeste é compreendida por nove Estados que, juntos, têm 1.793 municípios. Alagoas tem 102 cidades.

Acre

Não é feriado em nenhuma cidade do Acre o dia 20 de novembro.

Alagoas

De acordo com a Lei Estadual n° 5.724 de 1995, todos os municípios do estado de Alagoas têm feriado no Dia da Consciência Negra.

Amazonas

Lei estadual de 2010 institui o dia 20 de novembro como feriado em todos os municípios do Amazonas. A capital Manaus também tem uma lei municipal que decreta o feriado do Dia da Consciência Negra.

Amapá

Desde 2007 o Estado do Amapá determinou, via lei, que a data é feriado em todas as cidades do Estado.

Bahia

Só três cidades têm lei municipal que termina a data como feriado: Alagoinhas, Camaçari e Serrinha

Ceará

O Dia da Consciência Negra não é feriado em nenhuma cidade.

Distrito Federal

Não há feriado no DF para o Dia da Consciência Negra.

Espírito Santo

Apenas duas cidades têm feriado oficial no dia 20 de novembro: Cariacica e Guarapari

Goiás

Quatro cidades goianas celebram o Dia da Consciência Negra: Goiânia, Aparecida de Goiânia, Flores de Goiás e Santa Rita do Araguaia.

Maranhão

Minas Gerais

É feriado Dia da Consciência Negra nos seguintes municípios mineiros: Além de Paraiba, Betim, Guarani, Ibiá, Jacutinga, Juiz De Fora, Montes Claros, Santos Dumont e Sapucai-Mirim

Mato Grosso do Sul

Somente em uma cidade, Corumbá, é feriado oficial.

Mato Grosso

Todas as cidades do Estado, inclusive a capital Cuiabá, têm feriado em 20 de novembro.

Paraíba

Só João Pessoa, capital do Estado, tem o 20 de novembro como feriado.

Pará

Nenhuma cidade do Pará tem feriado na data.

Paraná

Só duas cidades paranenses têm feriado oficial no 20 de novembro: Guarapuava e Londrina

Pernambuco

Nenhuma cidade de Pernambuco tem feriado na data

Piauí

Não é feriado em nenhuma cidade do Estado.

Rio de Janeiro

Uma lei estadual de 2002 determina que o Dia da Consciência Negra seja feriado em todos os 92 municípios fluminenses, inclusive na capital a cidade do Rio de Janeiro.

Rio Grande do Norte

Não é feriado em 20 de novembro em nenhuma cidade do Estado.

Rio Grande do Sul

Não é feriado em nenhum município do Estado.

Rondônia

Não é feriado, em 20 de novembro, em nenhuma cidade do estado.

Roraima

Em nenhuma cidade do estado será feriado no dia 20 de novembro.

Santa Catarina

Florianópolis

São Paulo

A data está no calendário oficial de 102 municípios, incluindo a capital São Paulo. Veja a lista de cidades: Aguai, Águas Da Prata, Águas De São Pedro, Altinópolis, Americana, Americo Brasiliense, Amparo, Aparecida, Araçatuba, Aracoiaba da Serra, Araraquara, Araras, Bananal, Barretos, Barueri, Bofete, Borborema, Buritama, Cabreuva, Cajeira, Cajobi, Campinas, Campos do Jordão, Canas, Capivari, Caraguatatuba, Carapicuíba, Charqueada, Chavantes, Cordeirópolis, Cruz das Almas, Diadema, Embu, Embu Das Artes, Estância De Atibaia, Florida Paulista, Franca, Franco Da Rocha, Francisco Morato, Franco da Rocha, Getulina, Guaira, Guarujá, Guarulhos, Hortolândia, Ilhabela, Itanhaem, Itapecerica da Serra, Itapeva, Itapevi, Itararé, Itatiba, Itu, Ituverava, Jaguariuna, Jambeiro, Jandira, Jarinu, Jaú, Jundiaí, Juquitiba, Lajes, Leme, Limeira, Mauá, Mococa, Paraiso, Paulo de Faria, Pedreira, Pedro de Toledo, Pereira Barreto, Peruíbe, Piracicaba, Pirapora do Bom Jesus, Porto Feliz, Ribeirão Pires, Rincão, Rio Claro, Rio Grande Da Serra, Salesópolis, Salto, Santa Albertina, Santa Isabel, Santa Rosa de Viterbo, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São João Da Boa Vista,  São Paulo, São Vicente, Sete Barras, Sorocaba, Sumaré, Suzano, Votorantim,

Sergipe

É feriado somente nos municípios de Japaratuba e Laranjeiras.

Tocantins

Só Porto Nacional tem lei municipal que determina feriado em 20 de novembro.

Quem foi Zumbi dos Palmares

Zumbi dos Palmares nasceu em 1655, no estado de Alagoas. Ícone da resistência negra à escravidão, liderou o Quilombo dos Palmares, comunidade livre formada por escravos fugitivos das fazendas no Brasil Colonial. Localizado na região da Serra da Barriga, atualmente integra o município alagoano de União dos Palmares.

Embora tenha nascido livre, Zumbi foi capturado aos sete anos de idade e entregue a um padre católico, do qual recebeu o batismo e foi nomeado Francisco. Aprendeu a língua portuguesa e a religião católica, chegando a ajudar o padre nas celebrações de missas. Porém, aos 15 anos, voltou a viver no quilombo, pelo qual lutou até a morte, em 1695.

Zumbi é considerado um dos grandes líderes de nossa história. Símbolo da luta contra a escravidão, lutou também pela liberdade de culto religioso e pela prática da cultura africana no País. O dia de sua morte, 20 de novembro, é lembrado e comemorado em todo o território nacional como o Dia da Consciência Negra.

Fábio Cardoso, com Terra

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!