João Azevêdo abre 32° Salão do Artesanato Paraibano e destaca investimentos no setor

Destaque Paraíba

O governador João Azevêdo abriu, nesta sexta-feira (8), o 32° Salão do Artesanato Paraibano que, por conta da pandemia do coronavírus, terá edição digital. A abertura do evento ocorreu no Espaço Cultural José Lins do Rêgo, em João Pessoa, e foi transmitido pelas redes sociais do Governo do Estado. Participaram ainda da solenidade a presidente de Honra do Programa do Artesanato da Paraíba (PAP), Ana Maria Lins, a gestora do PAP, Marielza Rodriguez, o diretor-técnico do Sebrae, Luiz Alberto Amorim, e a artesã e diretora do Fórum Estadual do Artesanato, Rosângela da Rocha Pedro. 

O Salão do Artesanato Paraibano adotou o formato digital e, por meio de uma parceria entre o Governo do Estado e o Sebrae, foi desenvolvida uma plataforma de marketplace. No site www.salaodoartesanatoparaibano.com.br  o cliente na Paraíba ou em qualquer parte do mundo terá acesso ao melhor do artesanato produzido no Estado. O evento tem como tema “Retalhos que conectam vidas”, homenagem ao fuxico e ao patchwork, com realização até o dia 7 de março.

Na live de abertura, o governador João Azevêdo iniciou o seu discurso parabenizando a artesã Rosângela da Rocha, que confeccionou uma colcha de retalhos para homenagear os profissionais de saúde na luta contra a pandemia. “Nesta peça que aqui está, Rosângela conseguiu fazer com que entendêssemos que a pandemia, com um número enorme de informações constantes que recebemos todos os dias, que cada número daquele é uma vida, que cada número daquele tem uma pessoa, tem uma família que está sofrendo as consequências dessa doença tão grave”, afirmou.

Em seguida, o governador falou da expectativa para o Salão do Artesanato. “Desde o início de nossa gestão, fizemos questão de fazer o melhor possível pelo Salão do Artesanato. Fizemos um grande Salão em Campina Grande – talvez o maior que Campina Grande tenha presenciado -, depois tivemos a oportunidade de levar para a orla o Salão, em janeiro do ano passado, que foi extraordinário com mais de 80 mil peças vendidas, mais de R$ 1,7 milhão de negócios gerados. Qual é a importância dessa experiência? É que estamos abrindo uma loja para o mundo, e pretendemos permanecer com essa loja durante todo o tempo em função dos resultados que serão extremamente positivos”,  ressaltou.

Em sua mensagem, a primeira-dama do Estado e presidente de Honra do Programa do Artesanato, Ana Maria Lins, agradeceu a parceria entre o Sebrae e o Governo do Estado. “Esta edição tem um grande simbolismo para nós, porque representa a superação de obstáculos, a garra do nosso povo e a certeza de que, juntos, podemos ir mais longe. Chegamos até aqui graças à determinação de nossos artesãos e artesãs, que nos encorajam de prosseguir nesse trabalho, elevando a nossa cultura e fortalecendo a economia do nosso Estado. Vocês são a maior razão desse evento, que não poderia deixar de ser realizado”, acrescentou.

“Não poderíamos jamais deixar de realizar o evento, mesmo com os enormes desafios que a pandemia do coronavírus nos impôs. Nos adaptamos, nos reinventamos e estamos conectados para mostrar ao mundo a riqueza da nossa arte e o potencial da nossa terra. A todos os artesãos e artesãs, eu desejo boas vendas nesse e nos próximos Salões que virão, na certeza de que com a chegada da vacina voltaremos a estar juntos para compartilharmos o sucesso de todos”, pontuou Ana Maria Lins.

A gestora do PAP, Marielza Rodriguez, destacou a inovação do evento nesta edição. “Hoje estamos entregando uma loja onde o artesão confeccionou a sua loja, com informação, com consultoria. É uma vitória muito grande, e esperamos gerar cidadania para o artesão e inclusão digital”, disse.

Já o diretor-técnico do Sebrae, Luiz Alberto Amorim, ressaltou o avanço da Paraíba na realização de eventos digitais. “A gente imaginava que a Paraíba estava lá atrás, e na verdade foi a Paraíba que abriu as portas para os eventos digitais. Chegamos, hoje, ao Salão do Artesanato, um momento de muita aprendizagem para os artesãos”, comentou.

Representando o segmento, a artesã e diretora do Fórum Estadual do Artesanato, Rosângela da Rocha Pedro, mais conhecida como Rosa Flor, falou do momento vivido pela categoria. “É uma emoção muito grande fazer parte desse momento, completamente novo. Estamos encarando esse desafio junto com o Governo do Estado e o Sebrae”, disse.

Edição inédita – Por conta da pandemia, o Salão do Artesanato Paraibano, que já foi incorporado ao calendário de eventos da Paraíba, teve de se adaptar. Assim, a 32ª edição do evento será totalmente digital. Para isso, a parceria entre o Governo do Estado e o Sebrae foi essencial na elaboração de uma plataforma de marketplace.

Pelo site www.salaodoartesanatoparaibano.com.br  clientes de todo o mundo terão à disposição de um click ou do toque toda a riqueza do artesanato paraibano, em suas mais diversas topologias: metal, madeira, brinquedos populares, fuxico e patchwork, estas duas últimas homenageadas desta edição, que tem como tema “Retalhos que conectam vidas”.

Ana Holanda é uma das 13 artesãs homenageadas. Participar da edição on-line do evento traz boas expectativas. “Eu sempre participei dos salões presenciais, e para mim esta edição tem sido uma novidade. Este Salão vai ser um diferencial. A gente apresentava os nossos produtos só na Paraíba. Agora, vamos apresentar para o mundo”.

A artesã Janaína de Souza Silva também divide as mesmas expectativas que Ana Holanda. “O sentimento é de gratidão. Quero agradecer ao Governo do Estado, ao Sebrae que sempre esteve disposto para tirar nossas dúvidas. Tenho certeza de que já deu tudo certo”, comemorou.

Homenageadas – A 32ª edição do Salão do Artesanato homenageia 13 artesãs que trabalham com as técnicas de fuxico e patchwork.

As artesãs homenageadas são: Rosângela da Rocha Pedro (Rosa Flor do Patchwork), Mariland Filgueira de Araújo, Janaína de Souza Silva, Odaísa Aires da Silva, Creosvalda Silva Araújo, Maria Alves dos Santos, Ana Maria de Holanda Silva, Ana Maria Trigueiro Beserra, Maria do Socorro Costa, Honorina Cabral Figueiredo de Andrade, Elenilza França de Souza, Maria do Socorro dos Santos Leite e Izilda Firmina Pereira.

Secom Paraíba

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!