Desembargadora revoga posse de advogado no Tambaú Hotel e pede julgamento virtual com urgência

Destaque Paraíba

A desembargadora do Tribunal de Justiça do Ceará, Marília de Castro Neves Vieira, da 20ª Câmara Cível, revogou a posse do advogado paraibano, Rui Galdino, no Tambaú Hotel, instalado em João Pessoa, “não havendo necessidade que tal determinação conste da Carta de Arrematação”. 

No despacho publicado no dia 28 de setembro, a desembargadora solicitou urgência no julgamento do recurso impetrado pelo Grupo A Gaspar, do Rio Grande do Norte, que contestou a decisão do próprio TJRJ, que deu ganho de causa ao advogado no leilão ocorrido em segunda praça, no Rio de Janeiro. “Procederei ao julgamento do presente recurso, em exíguo prazo de tempo. Diante disso, peço dia para julgamento virtual.”

A desembargadora ressaltou no despacho que, “desde já, resta apenas o julgamento de Embargos de Declaração, onde, na forma do inciso VIII, do artigo 937, do Código de Processo Civil, não cabe sustentação oral, razão pela qual não há qualquer óbice para que o julgamento seja realizado em sessão virtual.”

Fábio Cardoso

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!