Ba’Ra Hotel começará a ser comercializado nos principais canais de vendas a partir de junho

Destaque Paraíba
http://datagridti.com.br/wp-content/uploads/2021/12/datagridtiBanner.gif

O Ba’Ra Hotel, equipamento que está em processo de finalização das obras na orla de João Pessoa (PB), vai começar a ser comercializado nos principais canais de vendas a partir de junho para a abertura em outubro deste ano. A informação é do diretor geral do hotel, Gefferson Alves, que já está na capital paraibana à frente do empreendimento que deverá mudar o padrão de atendimento aos turistas que visitam a cidade em busca de novas experiências.

Gefferson Alves revelou que o Ba’Ra Hotel não chega a João Pessoa somente para atender aos turistas. “Nós estamos vindo fortemente com uma vocação muito forte em gastronomia, principalmente, para o público local. Nós teremos um restaurante gastronômico, uma tratoria com influência regional, e outro mediterrâneo na cobertura, um gastrobar, também com influência regional, e nós queremos que o pessoense frequente muito. O chef ainda não temos, mas garante que vem gente muito boa por aí”, revelou ao Turismo em Foco, nesta terça-feira (11). Também será instalados uma sorveteria e um restaurante japonês no interior do hotel.

Na opinião do diretor do Ba’Ra, já existe uma demanda muito grande para João Pessoa por produtos mais qualificados, produtos confortáveis, que entregam experiências. “A gente acredita muito nesse perfil, que esse perfil se fortaleça. João Pessoa já dispõe de equipamentos também tão bons quanto o que iremos oferecer, e nós só estamos vindo agregar. A gente acredita muito na união, na coletividade. Com as forças coletivas, a gente vai conseguir ampliar o desejo das pessoas por virem conhecer o nosso estado, que é maravilhoso, e a nossa cidade, que é linda.”

Gefferson Alves aposta no Aeroporto do Recife para atrair mais turistas para João Pessoa, pelo status que o equipamento tem, de ser um local de recepção de voos internacionais, principalmente, da América do Sul que, segundo ele, “consome bastante o Nordeste E isso não é de hoje, a gente só vem fortalecer e vamos trabalhar bastante esse mercado. Vamos aproveitar bastante Recife sim, que é um destino que já opera com uma malha interessante, então, vamos aproveitar o que já existe de bom e, porque não, pensarmos em planejar que João Pessoa algum dia também tenha vocação para esse mercado tão importante”, pontuou.

Outro diferencial que será implementado nos serviços a serem prestados no equipamento passa pela qualificação profissional de quem atua nas diversas atividades relacionadas ao turismo. “A gente acredita muito que a experiência do hóspede não começa, nem termina, no hotel. O destino inteiro, de fato, tem que ter uma vocação e nós vamos sim buscar parcerias para, inclusive, qualificá-lo, para atender o cliente que vem com uma expectativa mais arrojada com relação ao produto”, revelou Geferson.

Nesse sentido, toda a cadeia turística será convocada para participar de um processo de qualificação, afirmou o diretor do Ba’Ra. “Como será esse processo, nós ainda estamos estudando a melhor maneira de aplicá-lo, mas é claro que nós esperamos que o outro lado também queira e tenha essa vontade de evoluir, porque todos nós precisamos evoluir sempre.”

O sucesso profissional do jogador Hulk – um dos empreendedores do Ba’Ra – pode vir a ser explorado em hashtags. Gefferson Alves disse que acredita muito na força da imagem do Hulk, “no nome que ele já tem, e o que ele tem feito pelo nosso estado, que é indiscutível. Sem sombra de dúvidas, o Hulk será um grande divulgador fundamental para propagar o destino, não só o Ba’Ra, que fique muito claro. A gente quer que o destino todo ganhe, e todos ganhando é melhor para todos nós. Então, a gente acredita que ele vai propagar esse destino mundo afora, principalmente, na América do Sul, que consome bastante o litoral nordestino. Vamos criar uma hashtag”, bincou o executivo.

Projeto exclusivo

Assinado pela Plan B, escritório colombiano premiado internacionalmente – e com a parceria da Construtora Massai -, o hotel é resultado da união entre natureza e cultura. O projeto permite o contato entre os hóspedes por meio de pontes desenvolvidas entre as 124 suítes em formato de célula independente. Um encanto à parte, o hotel contará uma diversidade de plantas com variadas cores e texturas trazendo a colaboração perfeita entre a vista para o mar e o contato com a flora, proporcionando uma experiência única e inesquecível.

Fábio Cardoso