Fatia de nordestinos em cruzeiros ainda é muito pequena

Cotidiano
Anúncios

Os nordestinos ainda são clientes a serem conquistados pelas companhias de cruzeiros marítimos. Segundo o presidente da Clia Abremar – Associação Brasileira das Empresas Marítimas, Marcus Ferraz, o nordestino não gosta de fazer cruzeiro pelo Nordeste e, desta forma, se torna um público que fica distante dos navios.
Dados da Clia Abremar indicam com o maior público de cruzeiristas são os passageiros do Sudeste, com 54% da fatia, seguidos pelo Sul, com 16%, e 6% internacional. Os fatores logística dos portos nordestinos e o custo do transporte aéreo são elementos que limitam o crescimento da procura do nordestino pelos pacotes marítimos.
Fábio Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.