Docas de Cabedelo discute ajustamento de conduta para receber cruzeiros

Paraíba

A presidente da Companhia Docas da Paraíba, Gilmara Temóteo, coordenou uma reunião, nesta quinta-feira (13), para deliberar sobre o ajustamento de condutas para viabilização da atracagem de cruzeiros de passageiros no Porto de Cabedelo. O equipamento paraibano receberá um total de 32 escalas pré-agendadas entre o período de janeiro e junho de 2019. Na Paraíba, os atracamentos devem acontecer a partir de 8 de fevereiro.

O navio de cruzeiros tem uma capacidade de embarcar 727 passageiros e 250 tripulantes, e também estão pré-agendados atracamentos nos portos do Recife, Fernando de Noronha, em Pernambuco; e Natal, no Rio Grande do Norte. A expectativa é de que somente a Paraíba receba cerca de 13 mil cruzeiristas no período previsto pela empresa que irá operacionalizar os pacotes.

Na reunião desta quinta, além de discutir a atuação dos práticos para as manobras de atracação, começaram a ser discutidos pontos com a recepção e atendimento aos cruzeiristas que desembarcarem em Cabedelo. Diversos órgãos participaram da reunião, como a secretaria de Turismo, por meio da secretária Vera Simões, que ratificou o apoio da prefeitura durante as operações, providenciando a instalação de tendas, disciplinamento dos taxistas, além da realização de exposições e apresentações culturais.

A presidente da PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), Ruth Avelino, sugeriu a realização de uma reunião específica com os órgãos de Saúde de Cabedelo e do Estado para deliberar sobre a elaboração de diretrizes do plano de contingência para as operações no porto.

Fábio Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.