Azul incrementa hub em Recife com instalação de base para tripulantes

Principal centro de conexões da Azul Linhas Aéreas no Nordeste e o terceiro no Brasil, o Recife abrigará, a partir de junho, a nova base da companhia para tripulantes. O anúncio da instalação do crew desk, como é chamado esse tipo de instalação, foi feito pelo governador Paulo Câmara após receber o presidente do Comitê Executivo da empresa, José Mário Caprioli, nesta sexta-feira (08), no Palácio do Campo das Princesas. A expectativa para os próximos 12 meses é de que a nova base proporcione cerca de 300 postos de trabalho diretos, sendo 110 para pilotos e 190 para comissários. O espaço irá funcionar no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre.

Implantado em 2016 no Recife, quando a empresa operava 26 ligações diárias partindo da capital pernambucana, o hub regional da Azul quase triplicou o número de voos desde então. “Saímos de 26 voos diários para 56, e de 11 para 31 destinos, entre nacionais e internacionais. Isso mostra o acerto da política dessa parceria, feita há três anos, que agora se consolida com a instalação de uma base aqui. São cerca de 300 pessoas, entre comandantes e comissários, que vão morar no Recife e na Região Metropolitana, o que é bom para a economia e para o turismo”, frisou Paulo Câmara.

Para o governador, a novidade é fruto do sucesso e da seriedade da parceria firmada com a Azul, que tem obtido avanços nos últimos anos. “Foi um acerto nosso, porque não é fácil em apenas três anos ampliar em três vezes o número de destinos. Pernambuco hoje é uma referência. Somos ligados com todas as capitais do Nordeste e todo mundo que sai da Região tem que passar pelo Recife. É uma parceria realmente importante, com uma empresa séria, que presta um serviço de qualidade e pontualidade”, reforçou.

A expectativa, segundo a Azul, é receber ainda este ano pilotos das aeronaves Airbus A320neo e, em 2020, comandantes e copilotos dos turboélices ATR. As aeronaves têm capacidade de 70 até 174 assentos e são utilizadas desde em rotas regionais até voos de longo curso dentro e fora do país. Os comissários da base em Pernambuco servirão não somente aos Airbus A320neo e os ATR, mas também às demais aeronaves da companhia.

De acordo com o presidente do Comitê Executivo da Azul, José Mário Caprioli, a chegada da nova base vai promover uma melhoria significativa na qualidade de vida dos funcionários da empresa no Nordeste. “Todos de Pernambuco e da região Nordeste que queiram investir nessa carreira de piloto e comissário passam a ter essa oportunidade de residir na cidade do Recife. Todas as vagas novas desse tipo de mão de obra, que é de alta qualificação, com um ambiente salarial diferenciado, vão ser abertas aqui em Pernambuco”, salientou.

O aumento do número de pousos e decolagens registrados no Aeroporto do Recife chegou a superar a margem de 100% nos últimos três anos. Em 2015, foram 7.999 decolagens e 8.013 pousos, contra 11.396 decolagens e 11.448 pousos no ano seguinte. Já em 2018, foram contabilizadas 17.166 decolagens e 17.118 pousos.

De acordo com o prefeito do Recife, Geraldo Julio, que participou da reunião, a parceria com a Azul foi uma decisão bastante acertada do Governo do Estado, tomada alguns anos atrás. “Quando as companhias aéreas estavam em crise, os últimos anos foram muito difíceis para as indústrias aéreas, mas a Azul cresceu no Brasil e cresceu muito mais no Recife por conta dessa parceria, da política de incentivos que foi criada pelo governo estadual”, pontuou.

Estiveram presentes também o deputado federal Felipe Carreras, os secretários estaduais Rodrigo Novaes (Turismo e Lazer) e Fernandha Batista (Infraestrutura e Recursos Hídricos), o diretor da Azul, Marcelo Bento, além dos secretários municipais Ana Paula Vilaça (Turismo, Esportes e Lazer) e Guilherme Calheiros (Desenvolvimento Econômico).

Assessoria de Imprensa – Fotos: Hélia Scheppa/SEI

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *