Abav nacional explica crítica do Procon-SP sobre promoção de passagens da Gol/Brahma

Cotidiano

A Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV) distribuiu uma nota oficial, rebatendo a informação do Procon de São Paulo, sobre a compra de bilhetes aéreos de uma promoção da Gol Linhas Aéreas em parceria com a cervejaria Brahma, durante o jogo da seleção brasileira contra a Venezuela pela Copa América. Durante a partida, as mais de 100 primeiras pessoas teriam o direito de comprar um bilhete para qualquer destino da América do Sul a preço de uma latinha de cerveja. O Procon revelou que mais da metade dos contemplados eram agentes de viagens.

A ABAV afirma que congrega uma base associada de 2,2 mil agências de viagens em todo o Brasil, responsáveis por cerca de 80% de toda a movimentação de vendas do setor de viagens e turismo, marcadamente o que corresponde à emissão de bilhetes aéreos. “São, portanto, a maior e mais eficiente rede de distribuição do mercado.”

No caso específico da Gol Linhas Aéreas, a nota da Abav explica que “a intermediação das agências de viagens corresponde a 57% das vendas anuais. Força que se confirmou na recente campanha de marketing que disponibilizou 143 passagens aéreas ao preço promocional de R$ 3,90, 53% das quais vendidas por intermédio das agências de viagens.”

A Abav encerra a nota, afirmando que a “intermediação na venda de produtos e serviços turísticos é uma atividade regulamentada e garantida às agências e operadoras de viagens pela Lei nº 12.974, sancionada  em 15 de maio de 2014, sem qualquer cláusula de restrição às promoções do mercado.”

Fábio Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.